Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



TV RURAL

por David Areias, em 12.03.13
A Assembleia da República aprovou recentemente uma recomendação ao Governo no sentido de que seja criado um programa semanal em canal aberto dedicado à agricultura e às pescas. Simplificando, um novo TV Rural.

Não escrevo sobre a eventual forma de ingerência inadmissível na programação da televisão pública. Muito menos sobre a eventual melancolia do país rural, pobrezinho e feliz que o Estado Novo tão bem calcou no fundo do nosso espírito colectivo. Resisto a explicar que o Porto Canal há muito produz e emite o programa "Terra", dedicado à agricultura. Sou incapaz de efectuar qualquer comparação com a forma como foi terminado o programa "Acontece" na RTP2. Adiante.

O que me intriga verdadeiramente é o objectivo do novo TV Rural, atendendo a que se trata de uma medida isolada de qualquer projecto para a agricultura e pescas.



O que faz o Estado quanto à perda de população no meio rural?

Fecha serviços, dando o primeiro sinal de desistência quanto a parte do seu próprio território. Saúde, educação, administração e justiça, nada resiste, nada fica. Mas tudo se optimiza para prestar um melhor serviço às populações.

O que faz o Estado quanto à pequena produção agrícola de contexto familiar?

Cria mais obrigações sanitárias e tributárias, inviabilizando a comercialização legal dos excedentes da economia familiar. Mas (cria-se o medo e) protege-se o consumidor da falta de controlo sanitário, para que se alimente com segurança e confiança nos melhores hipermercados.

O que faz o Estado quanto à distribuição de produtos agrícolas nacionais?

Deixa-as sem qualquer protecção perante o abuso de posição das grandes cadeias de distribuição alimentar. Mas promove-se o desenvolvimento de empresas mais fortes pelo processo natural da concorrência num mercado livre.

O rosário continua e só consigo por agora concluir que o TV Rural tem como objectivo único o entretenimento televisivo e político. Entretanto, pode ser que traga para a agricultura tanto sucesso quantas estrelas Michelin o Master Chef trouxe para os nossos restaurantes.

Despeço-me, com amizade, até à próxima publicação.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:07






Filibuster, subs.

1. Utilização de tácticas de obstrução, tais como o uso prolongado da palavra, por membros de uma assembleia legislativa de forma a impedir a adopção de medidas ou a forçar uma decisão, através de meios que não violam tecnicamente os procedimentos devidos;

Filibuster, noun
1. The use of obstructive tactics, such as prolonged speaking, by a member of a legislative assembly to prevent the adoption of measure or to force a decision, in a way that does not technically contravene the required procedures;

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Comentários recentes




Arquivos

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D